SEJAM BEM VINDOS AO BLOG DA TIA LENISE!

Bem vindos, ao Blog da Tia Lenise!
Criei este Blog
com o intuito de postar projetos escolares, sugestões de atividades de
alfabetização, notícias e muitas outras novidades
!

PARA REFLETIR!

Bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar a vida com paixão, perder com classe e vencer com ousadia. Pois o triunfo pertence a quem se atreve... A vida é "muito" para ser insignificante". (Charles Chaplin)


PARA REFLETIR!


“.... e aprendi que se depende sempre de tanta, muita, diferente gente. Toda pessoa sempre é as marcas das lições diárias de outras tantas pessoas. E é tão bonito quando a gente entende que a gente é tanta gente onde quer que a gente vá. E tão bonito quando a gente sente que nunca está sozinho por mais que pense estar ....”

(Gonzaguinha)

SEGUIDORES DO BLOG

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

LÍNGUA PORTUGUESA TEXTO E ATIVIDADES "A MULHER QUE MATOU OS PEIXES"


A Mulher que Matou os Peixes


Meu filho foi viajar por um mês e mandou-me tomar conta de dois peixinhos vermelhos dentro do aquário.
Mas era tempo demais para deixarem os peixes comigo. Não é que eu não seja de confiança. Mas é que sou muito ocupada, porque também escrevo histórias para gente grande.
E assim como a mãe ou a empregada esquecem uma panela no fogo, e quando vão ver já se queimou toda a comida – eu estava também ocupada escrevendo história. E simplesmente fiz uma coisa parecida co deixar a comida queimar no fogo: esqueci três dias de dar comida aos peixes! Logo aqueles que eram tão comilões, coitados.
Além de dar comida, eu devia sempre trocar a água do aquário, para eles nadarem em água limpa.
E a comida não era qualquer uma: era comprada em lojas especiais. A comida parecia um pozinho horrível, mas devia ser gostoso para peixe porque eles comiam tudo.
Devem ter passado fome, igual gente. Mas nós falamos e reclamamos, o cachorro late, o gato mia, todos os animais falam por sons. Mas peixe é tão mudo como uma árvore e não tinha voz para reclamar e me chamar. E, quando fui ver, estavam parados, magros, vermelhinhos – e infelizmente já mortos de fome.
Vocês ficaram muito zangados comigo porque eu fiz isso? Então me dêem perdão. Eu também fiquei muito zangada com a minha distração. Mas era tarde demais para eu lamentar.
Eu peço muito que vocês me desculpem. Dagora em diante nunca mais ficarei distraída.
Vocês me perdoam?
 CLARICE LISPECTOR

2) Responda:
a) Quem conta a história? 
b) Qual era a profissão da mulher? 
c) Como ela devia cuidar dos peixes? 
d) Por que ela se esqueceu de dar comida aos peixes?
e) Como ela se sentiu depois que os peixes morreram?
f) Para quem ela pede perdão pela morte dos peixes?

3) Use a sua imaginação e responda em seu caderno:
a) Como você imagina a mulher que deixou os peixes morrerem?
b) Você perdoaria a mulher? Por quê? 
c) Você conhece outros livros dessa escritora? 
d) Que outro título você daria para essa história?

Nenhum comentário:

Postar um comentário